Gala ou Não Gala

25/06/2011 19:52

 

Gala ou não gala!?

.


Alguns criadores retiram o macho, logo após a postura do primeiro ovo e, no entanto, os 4 ou 5 ovos seguintes, aparecem todos galados! Como é possível?
Explicação:
A fêmea possui uma “bolsa”, onde armazena os espermatozóides e cada vez que é libertado um óvulo, uma parte desses espermatozóides é libertada junto do óvulo. Este óvulo é, então, fecundado e passaremos a ter um “embrião”!

Este mecanismo permite que uma fêmea não necessite, forçosamente, de estar com o macho, no momento em que inicia a postura dos ovos, para que estes sejam fecundados. Basta que, simplesmente, a fêmea tenha sido galada uns dias antes!

Em algumas aves, os espermatozóides podem ficar armazenados cerca de um mês, estando aptos a cumprir a sua obrigação, se surgir oportunidade. Ou seja, mesmo que uma fêmea inicie postura, duas ou 3 semanas após lhe ter sido retirado o macho….se esta tiver sido fertilizada, eficazmente, os ovos aparecerão todos galados!


Uma vez que as fêmeas armazenam os espermatozóides durante vários dias, será que, após 2 ou 3 semanas sem contacto com qualquer macho, os ovos apareceriam, galados?
É possível, mas muito provavelmente não!
Porquê??
É provável que a fêmea não se tenha deixado galar. As fêmeas, normalmente, só permitem que as galem, nos dias próximos ao inicio da postura. Talvez seja um mecanismo biológico para garantir que os espermatozóides estejam frescos, no momento em que irão ser chamados a intervir.
Contudo se, efectivamente, as fêmeas forem galadas com maior antecedência, podem acreditar que os espermatozóides ainda estarão activos. Estarão suficientemente frescos e aptos a cumprir a sua obrigação, por muito mais tempo do que imaginaríamos!


3-Porque razão, normalmente, permitimos que o macho, permaneça junto da fêmea, até esta iniciar ou terminar postura?


3.1-Quando vemos que a fêmea foi galada, permitir que esta, continue com o macho, deve-se, simplesmente, a não querer arriscar! Pensamos que talvez não tenha galado bem e que então fica mais uns dias… Mas a verdade é que vendo a fêmea ser galada, no caso, do macho estar maduro, a fertilização será efectuada com sucesso, mesmo que o retiremos e a fêmea apenas venha a colocar os ovos, após uns dias.

3.2- O problema é quando não vemos que ela já foi galada! Neste caso, retirar o macho seria obviamente um tiro no escuro, ou no pé. Por isso, permitimos então que ele permaneça com a fêmea, pelo menos, até que esta inicie postura, pois próximo destes dias elas ficam mais receptivas e permitirão que as galem, caso tal, ainda não se tenha verificado.


4-Por vezes há machos adultos e devidamente maduros, que se fartam de galar. Parecem ser insaciáveis! Contudo, para espanto nosso, apenas fertilizam alguns ovos! Já outros machos que nunca vimos galar, fertilizam os ovos todos!
Explicação
O número de vezes q o macho gala, nada quer dizer. O que interesse é a quantidade de sémen libertada e também a quantidade de espermatozóides presente por cada ml, de sémen.
Creio que seja mais eficaz que um macho gale uma ou duas vezes por dia, que permitir que gale muitas. Não é portanto de estranhar que os criadores, que não permitem, que o casal permaneça toda a época reprodutiva, juntos, tenham tão bons ou melhores resultados!


5-Por vezes quando aparecem ovos claros, suspeitamos logo do macho! Contudo, no caso, do macho estar maduro, o grande entrave ou dificuldade até poderá ser a fêmea.

É verdade que metendo o macho com calma e eles indo namorando é verdade que a fêmea acaba por o aceitar sem qualquer problema!

Contudo, se for uma fêmea que já tenha tido vários machos…ela pode armar-se em esquisita e querer escolher. Ainda pode estar apaixonada pelo anterior! Eh eh

6- É, forçosamente, necessário que a fêmea o aceite e permita, que seja galada.
Por mais que o macho force, se ela não se colocar em posição de ser galada é impossível que haja recolha de sémen!
Porquê??
O macho até pode libertar sémen, mas este nunca será recolhido! Isto porque no caso dos canários, não existe penetração da vagina como ocorre nos mamíferos ou em certas aves de maior dimensão como os gansos.

No caso dos canários, existe apenas um contacto do espigão com a vagina, sem que haja qualquer penetração. O sémen é recolhido graças à fêmea, que ao sentir o contacto do sémen, recolhe imediatamente a vagina para o interior! Ora para que isto seja possível é necessário que a fêmea se tenha colocado em posição de ser galada e tenha estendido a parte final da vagina, para fora da cloaca, possibilitando assim o contacto!

Meus caros, se a fêmea não quiser, nada feito!



Ps:Quanto tempo levarão, os espermatozóides a atingirem a parte anterior do oviduto, a partir do momento que são recepcionados na cloaca?

Fonte:

 Bruno Cardoso em http://www.canariospt.com


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!